Humor

Também é preciso...
Para franzir a testa, utilizamos 32 músculos. Para sorrir, apenas 28. Sorria, nem que seja por economia!

Explicar o amor com as curvas de oferta e procura


O jornal de informação financeira Financial Times, na sua edição online, apresenta um consultório eco-sentimental, uma secção de perguntas e respostas designada "Querido economista". Num certo dia publicaram isto:

"Querido economista: Se eu reduzir a oferta o meu preço pode subir?

Tive uma relação à distância com a minha ex-namorada durante seis meses, eu estava no Bangladesh e ela na Inglaterra. Inicialmente, era tudo maravilhoso, mas pouco depois a curva da procura da minha namorada em relação a mim parecia estar a deslocar-se lentamente para a esquerda. Paranóico, comecei então a prestar-lhe mais atenção, pelo que, desta forma, estava a deslocar a minha curva da oferta para a direita. Consequentemente, o meu preço caiu. Rompemos, mas convenci-a a voltar para mim.

Voltámos à normalidade e falávamos durante muitas horas todos os dias. Decidi então tentar mudar-me e consegui um lugar para continuar os meus estudos de Economia no Reino Unido. Entretanto ela começou a agir de forma muito estranha até que, um destes dias, me disse que já não gostava de mim e rompeu definitivamente comigo.

Continuamos a ser amigos e a falar pelo telefone de vez em quando, mas ela vai inventando desculpas que não me parecem demasiado racionais. Penso que ela está confusa e que poderia voltar para mim, se eu agir da forma certa. Devo reduzir drasticamente a oferta e esperar que, desta forma, o meu preço suba? Gosto muito dela. A minha curva da procura por ela é perfeitamente inelástica.

Anon, Bangladesh".

Esta é a resposta que recebe do seu consultor eco-sentimental:

"Estimado Anon:

Julgo que deveríamos esquecer as curvas da oferta e da procura e tratar este assunto como um problema de informação imperfeita. Antes de mudar de continente, precisas de saber o que a tua ex-namorada pensa.

Pensas que o teu comportamento desesperado foi a razão da mudança de comportamento dela – provavelmente isso nada ajudou. Mesmo que consigas salvar esta relação, se calhar a única coisa que conseguirás é lavar pratos o resto da vida.

Lembra-te que ela reduziu a procura antes de tu aumentares a oferta. Porquê? Duas hipóteses: ela estava de facto preocupada pelo tipo de relação à distância ou então encontrou alguém que prefere em relação a ti. Compara cada uma destas hipóteses com o facto de que, quando disseste que voltavas a Inglaterra, ela deixou-te. É óbvio que a vossa relação acabou. E sim, deves “reduzir drasticamente a oferta” a esta rapariga, mas não porque ainda tenhas esperança de a ter de volta”.

Não acreditas que um jornal tão sério como o Financial Times publique este tipo de artigo? Pois podes verificar aqui








Entendendo a crise financeira - Subprime

Vídeo do YouTube




A tradição já não é o que era...









Os 10 mandamentos para trabalhar bem segundo o sábio CHIM PAN :
01) Há duas palavras que abrem muitas portas: Puxe e Empurre.
02) Se você não é parte da solução, é parte do problema.
03) Se procura uma mão disposta a ajudar, vai encontrá-la no final do braço.
04) Quem sabe, sabe. Quem não sabe, é chefe.
05) Na verdade, o importante não é saber, mas ter o telefone de quem sabe.
06) Ter a consciência limpa é ter a memória fraca.
07) Se você é capaz de sorrir quando tudo deu errado, é porque já descobriu em quem colocar a culpa.
08) Uma tarefa fácil se torna difícil se é você que tem de a fazer.
09) Você não é um completo inútil: ao menos serve de mau exemplo.
10) Trabalhar nunca matou ninguém, mas...... porquê arriscar?

DIFERENÇAS CULTURAIS...

No capitalismo Tradicional
Tens duas vacas. Vendes uma vaca e compras um boi. A manada multiplica-se e a economia cresce. Vendes a manada, reformas-te e vives dos rendimentos.
Numa Empresa Americana
Tens duas vacas. Vendes uma e forças a outra a produzir o leite de quatro vacas. Surpreendes-te quando ela cai morta. 
Numa Empresa Japonesa
Tens duas vacas. Voltas a concebê-las de forma a que passem a ter um décimo do tamanho original e a produzir 20 vezes mais leite. Depois, crias um boneco inteligente chamado «Vakimon» e fazes o seu lançamento no mundo inteiro.
Numa Empresa Alemã
Tens duas vacas. Voltas a desenhá-las de forma a que vivam 100 anos, comam uma vez por mês e façam a extracção do leite sem recurso a terceiros.
Numa Empresa Britânica
Tens duas vacas. As duas estão loucas. 
Numa Empresa Italiana
Tens duas vacas, mas não sabes onde elas estão. Fazes uma pausa para o almoço. 
Numa Empresa Russa
Tens duas vacas. Ao contá-las aprendes que tens cinco vacas. Quando as contas novamente percebes que tens 42. Na terceira contagem, aprendes que afinal, só tens 12 vacas. Paras de contar e abres outra garrafa de vodka.
Numa Empresa Suíça
Tens 5000 vacas, das quais nenhuma é tua. Cobras o alojamento das vacas. 
Numa Empresa Hindu
Tens duas vacas. Venera-las todos os dias. 
Numa Empresa Chinesa
Tens duas vacas. Tens 300 pessoas a mugi-las, pelo que alegas taxa de desemprego 0, alta produtividade de bovinos e prendes o jornalista que revela os números.
Numa Empresa Portuguesa
Há 2 vacas. A manada não se multiplica porque o Estado nunca mais fornece o boi. O dono decidiu não pagar os impostos. As vacas fazem greve porque afinal elas é que dão o litro... e dizem que com mais duas vacas ao serviço só precisavam ser mungidas dia sim dia não. A produção vai pelas ruas da amargura. O distribuidor esfrega as mãos de contente, importa leite espanhol e até o vende mais barato. A empresa só não vai à falência porque iniciou um engenhoso negócio de facturas falsas.



Disciplinas da Ciência:

1. Se mexer, pertence à BIOLOGIA;
2. Se cheirar mal, pertence à QUÍMICA;
3. Se não funcionar, pertence à FÍSICA;
4. Se ninguém entende, pertence à MATEMÁTICA;
5. Se não faz sentido, pertence à ECONOMIA ou à PSICOLOGIA;
6. Se mexer, cheirar mal, não funcionar, ninguém entender, não fizer sentido, é INFORMÁTICA.

Lei da Procura Indirecta:

1. O modo mais rápido de se encontrar uma coisa é procurar outra;
2. Encontramos sempre o que não estamos a procurar.

Lei do Telefone

1. Quando te ligam:
   - se tens caneta, não tens papel;
   - se tens papel, não tens caneta;
   - se tens papel e caneta ninguém te liga;
2. Quando ligas para um número errado, esse número nunca está ocupado.

Parágrafo único: Todo o corpo mergulhado numa banheira ou que se encontre debaixo de um chuveiro faz tocar o telefone.

Lei das Unidades de Medida:

Se estiver escrito 'Tamanho Único' é porque não serve a ninguém, muito menos a ti.

Lei da Gravidade:
Se conseguires manter a frieza quando todos à tua volta estão a perder a cabeça, provavelmente é porque não estás a perceber a gravidade da situação.

Lei dos Cursos, Provas e Afins:
80% da prova final será baseada na única aula a que não foste e no único livro que não leste.

Lei da Queda Livre:
1. Qualquer esforço para se agarrar um objecto em queda provoca mais destruição do que se o deixássemos cair naturalmente;
2. A probabilidade de o pão cair com o lado da manteiga virado para baixo é proporcional ao valor da carpete.

Lei das Filas e dos Engarrafamentos:
A fila do lado anda sempre mais rápido.
Parágrafo único: Não adianta mudar de fila. A outra é sempre mais rápida

Lei da Relatividade Documentada:
Nada é tão fácil quanto parece, nem tão difícil quanto a explicação do manual de instruções.

Lei da Vida:

1. Uma pessoa saudável é aquela que não foi suficientemente examinada;

2. Tudo o que é bom na vida é ilegal, imoral ou engorda.

Lei da Atracção de Partículas:
Toda a partícula que voa encontra sempre um olho aberto